Wereque Trajano

25/08/2015

Artigo:

O papel do economista no sucesso empresarial

 As relações econômicas estão intimamente ligadas ao desenvolvimento de uma nação que possui consciência social, se estas relações forem crescente maior será o grau de crescimento e desenvolvimento, proporcionando o bem estar social cada vez melhor. O profissional que estuda a melhor forma de otimizar as necessidade e distribuição de recursos escassos, que são limitados, para atender necessidades ilimitadas é o Economista, cabendo a ele dar uma importante parcela de contribuição intelectual para o desenvolvimento de nossa sociedade.

No processo evolutivo da Ciência Econômica, desde a vida nômade, que usava como moeda a própria mercadoria, até a industrialização, o homem sempre buscou organizar-se para o melhor aproveitamento dos recursos. A contribuição do economista nas questões relacionadas à: microeconomia, quando as empresas buscam o equilíbrio entre o mercado de produção e o mercado consumidor; e a macroeconomia, através de políticas de geração de emprego e renda; controle da inflação; investimentos e nível geral de renda e as turbulências econômicas nacionais e internacionais que estão diretamente ligadas a atividade empresarial do país.

O economista estuda, acompanha e orienta o empresário nas tomadas de decisão estando apto a desenvolver trabalhos relacionados ao planejamento estratégico, planejamento tributário, departamento financeiro, estudos de mercados, conjuntura econômica, custo, orçamentos, analise do desenvolvimento socioeconômico, elaboração e análise de projetos de viabilidade econômica e financeira sempre respeitando os impactos no meio ambiente, além de estar capacitado e apto para realizar pericia de natureza econômica.

 O estudo e análise de viabilidade econômica de um empreendimento responsável e competente considerando sua localização, oportunidades, definição de custos e preços, produção, concorrência, pesquisa de mercado, desempenho de mercadorias e opinião publica  entre outros  é um divisor entre o sucesso e o fracasso da atividade empresarial que segundo pesquisa do SEBRAE realizada de 1998 a 2007, as taxas de mortalidade caíram em todos os perfis de comparação: no primeiro ano, de 35% para 27%; no segundo, de 46% para 38%; no terceiro ano de atividade, de 56% para 46%; no quarto ano, de 63% para 50% e no 5º ano de atividade, de 71% para 62%.

Diante das oportunidades que um país em vias de desenvolvimento como é o caso do Brasil, o papel do economista em nossa sociedade é fundamental, fomentando o desenvolvimento através de ideias novas e seguras e responsáveis e assessorando aos empreendedores para instalação, manutenção e consolidação do empreendimento que irão gerar emprego e renda, reduzindo assim a fome o desemprego e a desigualdade social.


Assine!

Assinando nosso NewsLetter abaixo você receberá nossas últimas atualizações por e-mail totalmente grátis!

Nos acompanhe!

Nossa Localização

Endereço:

Quadra 104 Sul (ACSE 01), Conjunto 04 Lote 12, Sala 107

Palmas-TO - CEP: 77020-020

Entre em contato!

Telefone:

(63) 3215-2886 / 3215-8660

E-mail

coreconto@gmail.com

Funcionamento

Horário de funcionamento
das 8:00 as 14:00.
Conselho Regional de Economia do Tocantins - Todos os direitos reservados